Home » Destaque » Advogadas do Piauí se reúnem para discutir melhorias para a advocacia feminina
Publicado em: 19 de setembro de 2018 - Ás: 14:15 - Categorias: Destaque.

Advogadas do Piauí se reúnem para discutir melhorias para a advocacia feminina

cp adv

Na última sexta-feira (14), advogadas de Teresina, Campo Maior, Floriano, Picos, Parnaíba e Luzilândia se reuniram com o objetivo de discutir as dificuldades e desafios da advocacia feminina. O evento organizado pelo Movimento Certo é mais Trabalho, promoveu um diálogo direto com o pré-candidato à presidência da OAB/PI, o Conselheiro Federal Celso Barros Coelho Neto, a fim de garantir a elaboração de um projeto de gestão legítimo que atenda os anseios das advogadas piauienses.

Para a advogada Noélia Sampaio, referência em advocacia trabalhista e do direito privado, que garantiu apoio a Celso Barros Neto em discurso feito durante o evento, a união feminina e a valorização da classe e da OAB são imprescindíveis para os profissionais. “É como o Dr. Celso diz, o jovem de hoje é o idoso de amanhã e é preciso que se trabalhe para toda a classe da advocacia. Toda. Sem Nenhuma exceção. E nós mulheres temos uma grande luta para a classe feminina. Temos que caminhar de mãos dadas e juntas nós andamos melhor. É preciso se cultivar hoje o que queremos colher no futuro”, comentou.

De acordo com Roberta Oliveira, presidente da Comissão de Defesa das Prerrogativas dos Advogados (CDPA) da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Piauí, a mulher advogada ainda enfrenta situações cotidianas de preconceito e valorização e é preciso um presidente que abra espaço para essa luta. “Sigo na honrosa missão de presidir umas comissões mais importantes, e carro-chefe da OAB, que é defender o advogado e o dia a dia da advocacia. Quando diziam que eu não daria conta de um serviço por ser mulher, eu dizia para mim mesma: – Eu vou mostrar que eu sou mulher e vou dar conta do serviço.” comentou a advogada ressaltando a importância da busca por valorização e igualdade no ambiente da advocacia.

Segundo Celso Barros Coelho Neto, a participação feminina garante uma gestão mais democrática e exitosa para todos. “Acabei de retornar de uma visita a Uruçuí e pude ver de perto advogadas batalhadoras, militantes e percebo em todo o Piauí essa força da advogada. Me enxergo como um advogado, dirigente de ordem, sensível as causas  da mulher, mas confesso que não há legitimidade maior do que a própria mulher tomar essa deliberação, incorporar o que ela tem de ideal. Clamo para que as mulheres advogadas participem desse processo e possam agregar mais mulheres para nosso movimento. As mulheres advogadas são fundamentais para que nós possamos ter realmente uma entidade mais moderna, democrática, livre, igualitária e com mais serviços prestados para a sociedade”, completou.

Roberta Rocha
Assessoria de Imprensa – Movimento Certo é mais Trabalho
(86) 99460-0607

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta