Home » Destaque » Comissão reivindicam agência da CEF para Luzilândia
Publicado em: 8 de abril de 2017 - Ás: 03:29 - Categorias: Destaque> Luzilandia.

Comissão reivindicam agência da CEF para Luzilândia

comissão

Luzilândia poderá ganhar uma agência da Caixa Econômica Federal. Por iniciativa do vereador João Filho, na manhã desta sexta-feira (07.04.2017), uma comissão composta pelo deputado Ismar Marques, pelo prefeito Ronaldo Gomes, por ele próprio, vereador João Filho, por José Lima Neto, presidente da ACIL (Associação Comercial e Industrial de Luzilândia), pela Primeira Dama Socorro Meireles e o ex-vereador Chico Cassimiro, esteve em Teresina, reunida com o Superintendente Regional da Caixa Econômica Federal no Piauí, Francisco Elizomar Nunes Guimarães, reivindicando uma agência daquela instituição bancária, para Luzilândia.

Após ouvir os argumentos dos membros da comissão, o superintendente da CEF argumentou que Luzilândia já esteve no projeto de expansão da Caixa antes do atual momento financeiro porque passa o país, mas, assegurou que irá retomar os estudos para a implantação de unidade daquela instituição financeira em Luzilândia. Foi uma reunião muito proveitosa, positiva e ao final todos saíram empolgados, otimistas e muito entusiasmados.

Na oportunidade, Ismar Marques e Ronaldo Gomes também fizeram ver a aquele superintendente, que Luzilândia possui um déficit habitacional na sede do município, onde encontramos residências nas quais moram duas a três famílias em pequenos cômodos, gerando sério problema de ordem social, e o prefeito Ronaldo Gomes aproveitando o ensejo reivindicou a construção de 200 unidades habitacionais na Zona Urbana e se dispôs a colaborar com a Caixa.

Uma agência da Caixa Econômica Federal em Luzilândia, será mais uma opção de atendimento bancário a região e mais uma alternativa para investimentos, que poderão ser revertidos no desenvolvimento de toda a região.

Além de serviços bancários, a CEF realiza o pagamento de benefícios do governo federal e atende os trabalhadores por meio do FGTS, PIS e Seguro-Desemprego, e nela é possível fazer aplicações, solicitar empréstimos, contratar financiamento imobiliário, adquirir planos de previdência, seguros e títulos de capitalização e muito mais.

Por Emerso Moura

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta