Home » Destaque » BANCO LUCRA E GRUPO EMPRESARIAL DEMITE FUNCIONÁRIOS ( As duas face da crise econômica)
Publicado em: 27 de abril de 2016 - Ás: 14:16 - Categorias: Destaque> Economia.

BANCO LUCRA E GRUPO EMPRESARIAL DEMITE FUNCIONÁRIOS ( As duas face da crise econômica)

joao-claudino-316725 (1)

Enquanto o Banco Santander, o maior banco internacional no Brasil anuncia lucro de R$ 1,66 bilhão neste primeiro trimestre de 2016, O Grupo Claudino que gera empregos há décadas, demite funcionários.


 

Santander Brasil tem lucro de R$ 1,66 bilhão no 1º trimestre de 2016

Frente ao mesmo período do ano anterior, alta foi de 1,7%.
Carteira de crédito do banco registrou queda no período.

Do G1, em São Paulo

O Santander Brasil, maior banco estrangeiro no país, teve lucro líquido gerencial, ou recorrente, de R$ 1,66 bilhão, alta de 1,7% ante mesmo período de 2015.

Frente ao quarto trimestre do ano anterior, lucro cresceu 3,3%, segundo informou o banco em balanço divulgado nesta quarta-feira (27).

A carteira de crédito do Santander somou R$ 248,271 bilhões no primeiro trimestre – uma queda de 3,8% em 12 meses e de 4,9% na comparação trimestral.

O índice de inadimplência, superior a 90 dias, atingiu 3,3% do total da carteira de crédito, uma alta de 0,07 ponto percentual no trimestre e de 0,28 ponto percentual em 12 meses.

A inadimplência de pessoa física
atingiu 4,7%, com melhora de 0,04 ponto percentual p no trimestre e
avanço de 0,33 ponto percentual em 12 meses.

No segmento de pessoa jurídica, a inadimplência atingiu 2,1%, com leve alta de 0,04 ponto percentual no trimestre e um aumento de 0,12 ponto percentual em 12 meses.

http://g1.globo.com/economia/negocios/noticia/2016/04/santander-brasil-tem-lucro-de-r-166-bilhao-no-1-trimestre-de-2016.html

 


 

Grupo Claudino demite 4,5 mil funcionários no Piauí

A informação não foi confirmada oficialmente, mas a fonte é segura. O Grupo Claudino, maior empregador privado do Piauí, demitiu 4,5 mil funcionários gastando R$ 60 milhões de reais com verbas rescisórias. Em 2013, o grupo contava com 13 empresas, com sedes instaladas na capital piauiense e mais de 17 mil pessoas em seu quadro de funcionários.

Os números de modo geral não são nada animadores. O desemprego no Brasil ultrapassou a marca de 10% e o país já tem mais de 10 milhões de desempregados.

http://www.gp1.com.br/blogs/grupo-claudino-demite-45-mil-funcionarios-no-piaui-393516.html


Da Redação

 

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta